Artes Marciais

Ginásio presente no Campeonato Nacional Light-Contact – Open


Sob a égide da Federação Portuguesa de Alex Ryu Jitsu e organizado pelas Associação de Artes Marciais de Vila Nova de Famalicão e Associação Portuguesa de Alex Ryu Jitsu, realizou-se no passado sábado, dia 2 de Maio, no Pavilhão Municipal Terras de Vermoim, na freguesia de Vermoim, a prova máxima daquela federação, o Campeonato Nacional Light-Contact – Open (aberto a todos os estilos marciais).
Participaram neste evento mais de uma centena de atletas de todos os escalões etários, masculinos e femininos, em representação de varias associações e federações a nível nacional, de estilos diversos, como Kempo Contact, Kick-Boxing e Lohan Tao, para além das 20 academias Alex Ryu Jitsu.
Os combates decorreram de forma espetacular, dentro do mais alto nível técnico, com especial destaque para os atletas do estilo marcial Alex Ryu Jitsu, não obstante alguns dos seus adversários serem campeões nacionais, com estatuto internacional e com larga experiência.
O público, composto por centenas de pessoas, esteve à altura da prova, aplaudindo entusiasticamente todos os combates, com especial relevo para os trabalhos nos escalões mais jovens: nini-infantis, infantis, iniciados e juvenis, cujas idades variam entre os 5 e 15 anos.

Classificação por equipas: 1ª (Campeã Nacional) – Academia Alex Ryu Jitsu de B. V: Famalicenses; 2ª Academia Alex Ryu Jitsu de Calendário; 3ª Academia Alex Ryu Jitsu de Antas.
A homologação dos títulos e da prova, foi feita pela Federação Portuguesa de Alex Ryu Jitsu através de certificados, representada pelo Mestre Geral e Fundador do estilo Alex Ryu Jitsu, Mestre Alexandre Carvalho (10º Dan) e a organização esteve a cargo da excelente equipa da academia de Vermoim, liderada pelo Mestre Laurindo Azevedo e Mestre Mikael Azevedo.

De realçar também a excelente participação da delegação ARJ do Ginásio Clube Santo Tirso, composta por 11 (onze) elementos que obtiveram excelentes resultados: 1 (um) Campeão Nacional, Armando Barros, 3 (três) Vice-campeões, António Barros, Sofia Barros, Jorge Silva e 3 (três) 3º classificados, Pedro Ramos, Luís Silva e Joaquim Machado. Os restantes 4 (quatro) atletas, João Fontes, André Aguiar, Fu Yang e Júlio Gomes não alcançaram classificações de pódio, no entanto realizaram excelentes trabalhos técnicos, que dignificaram ao mais alto nível as Artes Marciais e o desporto em geral.


Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *